Herança maldita? Rosalba fecha 360 milhões de dólares em contratos no apagar das luzes

O denominado RN sustentável resulta de acordo de empréstimo com o banco mundial – BIRD e endividará a viúva em 560 milhões de dólares.

image

Falta de planejamento e clareza cercam o RN sustentável e os contratos fechados por Rosalba Ciarlini no final de sua gestão

Em tese, apresenta-se como um dos principais projetos para o desenvolvimento do Estado nos próximos cinco anos. Esta é a ideia alardeada.
Saindo da propaganda vazia, o que não está tão transparente assim é o fato de que a governadora, em final de mandato, assinará entre 260 a 300 contratos. Tais iniciativas, conforme testemunhos de quem esteve presente na última palestra promovida pelo atual governo sobre o assunto, nem seus próprios representantes souberam tangenciar indagações introdutórias. Apenas alaridos incompreensíveis aos ouvidos de quem procura coerência. 
A única evidência, esta sim indubitável, é que são bem adubados. Esses contratos, somados, atingem a bagatela, nada besta, de 360 milhões de dólares.
Um endividamento dessa magnitude, que será executado pelo próximo governador, precisa ser esclarecido, ao menos, com a equipe de transição em profundidade. Mas o ideal é que toda a sociedade e órgãos competentes fossem devidamente envolvidos, informados.
Pelo visto, insatisfações em decorrência da escuridão correm, o que demonstra um desenrolar bem distante disso. Há, isto sim, uma pressa grande e imprudente, para dizer o mínimo, no final da administração Rosa para empenhar 360 milhões de dólares no apagar das luzes.
Enfatizo. Estamos falando aqui a respeito do comprometimento ao equivalente a quase 10% da arrecadação estadual durante todo um ano de tributação. E cada centavo será pago com juros e correção. Não virá a fundo perdido. Abordamos o futuro de uma máquina, quebrada, e que, portanto, nao pode pecar mais uma vez pela falta de planejamento.
Herança maldita? Estelionato administrativo? É pior do que isso, pois sequer sabemos ao certo.

Retirado de: http://www.opotiguar.com.br/

Publicado em Informação, Política | Marcado com , | Deixe um comentário

Telhado de vidro

Ontem estivemos na casa do povo para aprovação do plano de cargos, salários e carreiras de todas as categorias com exceção do magistério, que teve seu plano aprovado há pouco tempo. Na oportunidade o poder executivo pediu através de requerimento a retirada do projeto, para que seja feito um estudo. Houve três vereadores que aproveitaram o momento e tentaram se promover, os mesmo três que assassinaram o plano dos professores em 2009 a mando de Aldivon Nascimento o prefeito da época. Neste momento todo mundo quer tirar vantagem da situação, mas esquecem da responsabilidade e que é mais trágico e frustrante para o servidor ter o plano aprovado e não ter as vantagens em seus contra cheques. Quem entende o mínimo possível de administração pública sabe que toda fonte de custeio tem que ter uma fonte de receita. Meu posicionamento é de que estou do lado da categoria, é um sonho dos servidores há muito tempo e um sonho meu por extensão, pois as vezes que fui candidato a presidente do SINDSERB, coloquei em minhas propostas de campanhas a luta pelo plano para as outras categorias, assim neste momento a luta das categorias envolvidas torna-se minha também. Tem muita gente conversando besteira, os blogueiros do absurdo estão em polvorosa e querem tirar proveito. Vamos ajudar, pensar uma situação para as categorias, ver o que é melhor para Baraúna. Isto é mais proveitoso do que ficar atirando pedras a esmo no telhado dos outros, quando o de vocês é tão frágil quanto fumaça, os nobres amigos tem telhado de vidro e na época em que estiveram na câmara a atuação de vocês foi uma vergonha, é muito facil acusar, vamos construir, cadê alguém quer? Ainda tem um que nem um cargo eletivo disputou, não tem nenhuma experiencia na área, e se se candidatar a juiz de jogo de castanha perde, por que a população não o tolera. Assim vamos construir uma Baraúna para o futuro, para nossos filhos e netos, para a posteridade e deixar de hipocrisia e bla bla blá inutil.

Publicado em Informação, Política | Marcado com , | Deixe um comentário

Asa branca – Quinteto violado

Asa branca 

Quinteto violado

Quando olhei a terra ardendo
Qual a fogueira de São João
Eu perguntei a Deus do céu, ai
Por que tamanha judiação
Eu perguntei a Deus do céu, ai
Por que tamanha judiação

Que braseiro, que fornalha
Nem um pé de prantação
Por falta d’água perdi meu gado
Morreu de sede meu alazão

Por farta d’água perdi meu gado
Morreu de sede meu alazão

Inté mesmo a asa branca
Bateu asas do sertão
Então eu disse, adeus Rosinha
Guarda contigo meu coração

Então eu disse, adeus Rosinha
Guarda contigo meu coração

Hoje longe, muitas léguas
Numa triste solidão
Espero a chuva cair de novo
Pra mim voltar pro meu sertão

Espero a chuva cair de novo
Pra mim voltar pro meu sertão

Quando o verde dos teus olhos
Se espalhar na prantação
Eu te asseguro não chore não, viu
Que eu voltarei, viu
Meu coração

Eu te asseguro não chore não, viu
Que eu voltarei, viu
Meu coração

Publicado em Cultura | Marcado com | Deixe um comentário

Pensamento do dia

À medida que vou amadurecendo, presto menos atenção ao que os homens dizem. Simplesmente vejo o que fazem.

Andrew Carnegie

Publicado em Pensamento do dia | Marcado com | Deixe um comentário

Gaiola bonita não faz pássaro cantar

A vida pública não fácil, ainda mais quando se instala uma desordem, como ocorreu em nossa cidade no ano de 2014, sucessivas mudanças do executivo, instabilidade administrativa e jurídica. Tais mudanças geram especulação e descontrole em todas as áreas da administração, isto é fato. Isto emperra o andamento de muita coisa e faz com que muita gente torça contra, com o intuito de tudo desandar e este ou aquele surgir como o salvador da pátria. Desafio neste momento quem critica a situação a apresentar um projeto viável, solido e sustentável para Baraúna. Duvido que alguém tenha na ponta da caneta ou em um relatório saídas verdadeiras para as principais causas dos principais problemas, ou que estes apontem onde mexer para atacar a curto, médio e longo prazo os problemas de nossa cidade. O que vemos são falácias de A ou B, muito proselitismo e pouca efetividade. O tempo me trouxe uma coisa, maturidade, todo mundo quando está na oposição acha que a prefeitura nada em dinheiro, quando chega lá diz que está quebrada, e aí? Onde esta a verdade? Já passei da fase simplista de só existir o bem e mal, de só existir um lado certo e os outros errados. Existe gente boa na oposição e gente ruim na situação e vice versa. TODOS traz em si o bem e mal e usará no momento em que necessitar ou que achar mais cômodo, basta só se sentir acuado. Pra mim é muito difícil estar escrevendo isto, pois é muito mais fácil atacar do que defender, mas provo com isto que sei respeitar hierarquia. Não estou dizendo que engulo tudo calado, a senhora prefeita e seus aliados sabem que quando estou em reuniões internas reclamo de algumas coisas que considero erradas, contudo falar aqui no blog só em ultima instância, sei do poder da mídia, do blog, resolvi muitas coisas no governo de Isoares Martins mesmo sendo oposição, bastava só fazer uma matéria e rechear com fotos e esperar dias depois o problema ser solucionado, hoje vou no gabinete da prefeita e requeiro pessoalmente, é diferente, é silencioso, só a comunidade, a região ou o cidadão que teve seu problema solucionado sabe que foi através do mandato que isto ou aquilo foi resolvido. É por isso amigos, que muitas vezes não concordo com o bla bla blá só por fazer zoada, este é bom, mas é melhor chegar com uma solução para o problema, e infelizmente não tenho visto isto em nenhum dos grupos que triticam a administração. Um projeto para Baraúna atacando os problemas e apresentando soluções é isto que a população precisa no momento!

Publicado em Denuncia, Informação, Política | Marcado com , , | Deixe um comentário

Rato de rua – Chico Buarque

Rato de rua

Chico Buarque

Rato de rua
Irrequieta criatura
Tribo em frenética
Proliferação
Lúbrico, libidinoso
Transeunte
Boca de estômago
Atrás do seu quinhão

Vão aos magotes
A dar com um pau
Levando o terror
Do parking ao living
Do shopping center ao léu
Do cano de esgoto
Pro topo do arranha-céu

Rato de rua
Aborígine do lodo
Fuça gelada
Couraça de sabão
Quase risonho
Profanador de tumba
Sobrevivente
A chacina e à lei do cão

Saqueador
Da metrópole
Tenaz roedor
De toda esperança
Estuporador da ilusão
Ó meu semelhante
Filho de Deus, meu irmão

Rato
Rato que rói a roupa
Que rói a rapa do rei do morro
Que rói a roda do carro
Que rói o carro, que rói o ferro
Que rói o barro, rói o morro
Rato que rói o rato
Ra-rato, ra-rato
Roto que ri do roto
Que rói o farrapo
Do esfarra-rapado
Que mete a ripa, arranca rabo
Rato ruim
Rato que rói a rosa
Rói o riso da moça
E ruma rua arriba
Em sua rota de rato

Publicado em Cultura | Marcado com | Deixe um comentário

Pensamento do dia

As pessoas não sabem o que querem, até mostrarmos a ela.

Steve Jobs

Publicado em Pensamento do dia | Marcado com | Deixe um comentário